Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

My Cherry Lips

O My Cherry Lips nasceu da minha vontade de partilhar com os outros tudo o que eu gosto e que faz parte do meu dia a dia. Moda, Beleza, Lifestyle são os seus temas principais. Visitem!

Seg | 14.07.14

Não abandonem os vossos amigos em tempo de férias

 

Quando se adopta um cão devemos fazer sempre uma lista de prós e contras, para além disso não devemos pensar só naquilo que nós queremos, devemos também pensar que o animal que vamos receber em nossa casa é um ser vivo e tem necessidades tal como nós.

 

Em Dezembro, quando a Júlia chegou a minha casa toda a gente me perguntou: então e quando fores para os festivais de Verão como vai ser? Em momento algum me passou pela cabeça deixar a Júlia fechada em casa o dia todo, já bem basta o tempo que ela está sozinha enquanto estou no estágio, por isso enquanto decorreu o Rock In Rio e o Primavera Sound ela foi passar férias com os meus pais. Até porque lá tem quintal, tem pessoas que lhe podem dar muito amor e tem outros cães com quem brincar, o que até é bom porque aqui só socializa com aqueles que encontra enquanto estamos a passear. Agora, entre o Nos Alive o Super Bock Super Rock, a Júlia voltou a ir passar férias para casa dos meus pais, mas estou a morrer de saudades dela e todos os dias ligo várias vezes a perguntar se ela está bem.

 

De qualquer forma quando deixam o vosso animal de estimação com outra pessoa ou mesmo num hotel / residência para cães e gatos devem mandar a comida que eles gostam (da última vez, eu não mandei a comida dela e a minha mãe comprou uma que ela não gostava e por isso, não comia), os brinquedos, a caminha (pois, no primeiro dia é o refúgio deles) e acima de tudo devem telefonar todos os dias, não é ir "curtir" as férias e o animal fica ali em depósito.

 

Se o animal não se adaptar, devem pensar em soluções (por exemplo, leva-lo para casa de outra pessoa) e em último caso até voltar para ir busca-lo. De qualquer forma, se planearem as vossas férias com antecedência e pesquisarem nos diversos motores de busca encontram diversas residenciais e até hotéis que aceitam animais, às vezes nem têm de pagar taxas extra.

 

Ah e podem sempre ir almoçar ou jantar a esplanadas porque aí normalmente não há problema de levarem no vosso animal de estimação, por exemplo a Júlia tem sido treinada ao longo dos últimos meses para não pedir comida e tem se portado muito bem. Para além disso, podem leva-los a concertos ao ar livre, etc.

 

Pode ser cliché escreve-lo, mas não vão encontrar amor e fidelidade como a do vosso animal de estimação, pois enquanto ele puder vai seguir-vos por todo o lado, por isso pensem bem antes de abandonar o vosso cão ou gato na casa de um estranho ou mesmo à beira da estrada. Se fosse o contrário vocês não iam gostar.

Graziela

4 comentários

Comentar post